Buscar
  • Maisis Publicidade

Sistema Pix permitirá saques de dinheiro em lojas a partir de 2021

Lançado recentemente e com funcionamento total desde a última segunda-feira (16/11), o Pix, sistema instantâneo de pagamentos e transferências desenvolvido pelo Banco Central, vem com mais novidades para 2021. Com ele será possível realizar saques em dinheiro em estabelecimentos comerciais pelo país. O funcionamento está previsto para o primeiro semestre do ano que vem.


Como funcionará o recurso de saque no Pix

Segundo o site da Época Negócios, para efetuar um saque por meio do Pix, o consumidor, ao chegar no caixa de um estabelecimento autorizado, deve informar que deseja realizar o saque de um determinado valor por meio do sistema do BC. Dessa forma, o atendente escolhe tal opção na maquina de cartão, que exibirá um QR Code na tela. A seguir, o usuário usa o smartphone para ler esse código e realizar o pagamento da quantia que ele deseja sacar em espécie, mais a tarifa cobrada pelo procedimento. Confirmada a operação, o atendente separa o dinheiro do caixa e entrega ao cliente.


Além de diminuir os custos de manejo, o BC espera que essa funcionalidade diminua a dependência do consumidor em relação aos caixas eletrônicos para ter acesso ao dinheiro em espécie, uma vez que esses terminais tem distribuição deficiente em muitos pontos do Brasil. Além disso, ainda que o BC não tenha confirmado, a tendência é que as tarifas de saque sejam menores que as cobradas pelo sistema bancário do país.


Primeiros dias do Pix

De acordo com o Banco Central, no primeiro dia de funcionamento pleno do Pix, até às 18h, houve o movimento de mais de R$ 777 milhões, superando 1 milhão de transações.

Maisis Publicidade
LINKS
Página Inicial
CONTATO

contato@maisispublicidade.com.br

Cel: (11) 99715-1833

R. Cel. Teófilo Leme, 695

Bragança Paulista - SP 12900-005

REDES SOCIAIS
  • Instagram Maisis Publicidade
  • Facebook Maisis Publicidade
  • Linkedin Maisis Publicidade

© Copyright 2020 Maisis Publicidade. Todos os direitos reservados.